Mulheres dão calote em cirurgião

POLÍCIA ALEMÃ PROCURA MULHERES QUE DERAM CALOTE EM CIRURGIÃO

Do G1, em São Paulo

Um médico forneceu às autoridades fotos de seios siliconados na esperança de que as trapaceiras sejam logo encontradas

A polícia alemã terá evidentes dificuldades em encontrar as caloteiras Um cirurgião plástico alemão levou o calote de quatro mulheres que haviam passado por cirurgias plásticas em sua clínica e resolveu fornecer à polícia fotos dos seios siliconados e dos narizes das trapaceiras, na esperança de que isso ajudasse as autoridades a encontrá-las.

Segundo o jornal Bild, entre as belas imagens fornecidas pelo doutor podia-se ver os esplêndidos bustos búlgaros de uma garota de 26 anos chamada Tanya, que achou mais conveniente não pagar os 8.000 euros pela operação (cerca de R$32.500). Ele disse que a moça saiu para “tomar um ar” depois da cirurgia e nunca mais voltou.

Koenig, um médico da cidade de Colônia, contou à polícia que as mulheres se registraram com nomes falsos. “Depois das operações, que levaram cerca de uma hora cada, elas simplesmente fugiram.”

As outras três caloteiras se apresentaram como Sabine (que fez um implante de silicone de R$38.600), Silke, que deu uma retocada de R$28.500 no nariz e Beate, que também deu uma arrumadinha no nariz pelo mesmo valor.

O jornal Bild publicou uma foto dos seios siliconados da Tanja que ocupava cinco colunas. “Provavelmente a foto de ‘procura-se’ mais estranha que a polícia já usou”, escreveu o jornal.

Koening assegurou que a partir de agora só fará operações com pagamento adiantado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s