A palavra é… Propina

Do Nomínimo, por Ségio Rodrigues

21.05.2007 | Propina, como se sabe, é gorjeta, gratificação extra por serviço prestado – legal ou ilegal, tanto faz. Se no Brasil a propina aparece quase sempre em contextos negativos, revestida de um ar escuso, o problema é nosso.

A palavra não é tão velha quanto a língua portuguesa, mas chega perto. Saiu do latim tardio propina, “dar de beber”, que por sua vez veio do grego pelo seguinte caminho, segundo afirma Rafael Bluteau em seu clássico “Vocabulário português e latino”, o primeiro grande dicionário de nossa língua:

“Propinar – Os latinos tomaram esta palavra dos gregos, os quais nos seus banquetes costumavam encher um copo de vinho, e depois de dizer Tibi propino, ‘Bebo à tua saúde, ou faço-te um brinde’, bebiam um trago, e logo davam o copo a algum dos convidados.”

Propina nasceu, assim, como o ato de dar de beber e comer a alguém que se desejava agradar – a “cervejinha do guarda”, quem diria, já fermentava naquele tempo. Do campo alimentar a propina se expandiu rapidamente, como registrava Bluteau nos primeiros anos dos 1700: “Hoje se dá propina em dinheiro, ou em tantas varas de pano, e outras coisas usuais”.

Esse sentido de oferenda a palavra ainda conserva, embora não tivesse, na origem, as conotações suspeitas que se tornariam dominantes no Brasil. Em Portugal, o sentido básico de propina é hoje o de taxa – legal – paga ao Estado por certos serviços escolares. Vale observar, porém, que isso foi resultado de um estreitamento semântico. Embora sem a menor alusão a procedimentos escusos, Bluteau atestava o amplo alcance social da propina no início do século XVIII ao dizer que “em Portugal se dão propinas aos oficiais da Casa Real, aos tribunais, ao reitor, chanceler, lentes, licenciados, bedéis etc. da universidade”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s